• Sobre
  • Currículo
Camila Soato

Através de seu estilo fuleiro e fazendo uso do cômico, toca em questões chaves sobre as noções de adequado e inadequado na contemporaneidade.

Nascida em Brasília em 1985.
Sua trajetória na arte contemporânea se iniciou por volta de 8 ou 9 anos. Possui uma pesquisa poética direcionada à pintura que escolhe o descuido como potência, e se afasta da assepsia e virtuosismo técnico, abraçando o fuleiro, o tosco e o mal acabado.

Em sua obra, Camila associa a tradição da pintura a óleo figurativa, envolta em uma usual seriedade, com temáticas relacionadas ao humor satírico que se apresenta em situações esdrúxulas (fulerage). São recortes de imagens que fragmentam e narram momentos bizarros. Dessa maneira são estabelecidos, por intermédio de construções ambivalentes, questionamentos acerca das possibilidades de produzir pinturas figurativas e inseri-las no campo contemporâneo da produção artística. Essas imagens permeadas de fortes narrativas, associam situações – nas quais algo ocorre de maneira quase falha – à qualidade da pintura aplicada, com pinceladas encarnadas, achicletadas, fugidias e índices que revelam o processo do trabalho: borrões, manchas e escorridos. Descuidos assumidos como potencializações poéticas.

Formação
2017

Doutoranda em Poéticas Visuais no PPG-AV pela Universidade de São Paulo

2013

Mestrado em Artes Visuais, UnB – Universidade de Brasília

2010

Artes Plásticas. UnB – Universidade de Brasília

Exposições Individuais
2017

Caviar é uma Ova!, Zipper Galeria, São Paulo, Brasil

Desculpa Virilha Suada, Galeria Alfinete, Brasília

2016

Anti-Higiênicas, Sesc Santana, São Paulo

2015

“Uma Diva, Uma Louca, Uma Macumbeira/ Meu deus, ela é Demais!” Artur Fidalgo galeria – Rio de Janeiro-RJ, Brasil

2014

Nobres Sem Aristocracia: Projeto Vira-latas puros nº51, Zipper Galeria, São Paulo, Brasil

Aff Neide! Divas Clandestina Musas Canalhas, mini residência exposição das obras criadas no espaço, Alfintete Galeria, Brasília, Brasil

2013

Fuleragem Polissistêmica nº 05. Zipper Galeria, São Paulo, Brasil

Vira-Latas Tecnológicos: inserções pictóricas no espaço urbano. Galeria Espaço Piloto, Brasília DF, Brasil

2011

O Descuido Vira-Latas, Fuleragem e Bundas. Galeria Espaço Piloto, Brasília DF, Brasil

Situações. Galeria da América Latina, Brasília DF, Brasil

Situações. Espaço Cultural UNESC, Criciúma, Brasil

Situações. Galeria Espaço Piloto, Brasília DF, Brasil

Exposições Coletivas
2018

O triângulo Atlântico, 11ª Bienal do Mercosul. Rio Grande do sul – Brasil

Contraponto (Coleção Sérgio Carvalho). Museu Nacional da República, Brasília

Dialetos 2, Centro Cultural São Paulo, São Paulo

2017

Outros Olhos, Hill House, Brasília

Circuito #2. Alfinete Galeria, Brasília

Contrafogos. Museu da Biblioteca Pública de Pelotas, Pelotas, Rio Grande do Sul

A luz que vela o corpo é a mesma que revela a tela. CAIXA Cultural Rio de Janeiro, Brasil

Animal-Estar. Galeria de Arte do Centro de Arte UFF, Niterói – RJ

2016

Ao amor do público. Museu de Arte do Rio, Rio de Janeiro, Brasil

De|Generadas. Sesc Santana, São Paulo, Brasil

2014

Entre Dois Mundos – Arte Contemporânea Japão-Brasil

Museu Afro Brasil, São Paulo, Brasil

2013

Finalistas do Prêmio Investidores Profissional em Arte (PIPA). Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, Brasil

Idolatria Vã. Galeria Laura Marsiaj, Rio de Janeiro, Brasil

Mirante. MUV Gallery, Rio de Janeiro, Brasil

Retrato: Autoretrato. MUV Gallery, Rio de Janeiro, Brasil

Primeira Vista. Amarelonegro Arte Contemporânea, Rio de Janeiro, Brasil

Abre Alas. A Gentil Carioca, Rio de Janeiro, Brasil

2012

64º Salão Paranaense de Arte Contemporânea. Museu de Arte Contemporânea do Paraná MAC/PR, Curitiba, Brasil

Espelho Refletido: O Surrealismo e a Arte Contemporânea Brasileira. Espaço Cultural Hélio Oiticica, Rio de Janeiro, Brasil

31º Salão Arte Pará. Museu Histórico do Estado do Pará, Belém, Brasil

Gambiarras. Galeria Espaço Piloto, Brasília DF, Brasil

Dialetos. Centro Cultural, Goiânia, Brasil

Dialetos. Museu de Arte Contemporânea do Mato Grosso do Sul, Campo Grande, Brasil

Diálogos de Resistência. Museu Nacional da República, Brasília DF, Brasil

18º Salão UNAMA de Pequenos Formatos. Universidade da Amazônia, Belém, Brasil

2011

17º Salão UNAMA de Pequenos Formatos. Universidade da Amazônia, Belém, Brasil

Salão/Residência Fora do Eixo. Espaço Cultural Renato Russo, Brasília DF, Brasil

1° Salão de Arte Contemporânea do Centro Oeste. Centro Cultural Universidade Federal de Goiás, Goiânia, Brasil

2010

Brasília Outros 50. Galeria Fayga Ostrower, FUNARTE, Brasília DF, Brasil

16º Salão UNAMA de Pequenos Formatos. Universidade da Amazônia, Belém, Brasil

Presenças de Cor. Museu de Arte Contemporânea do Mato Grosso do Sul, Campo Grande, Brasil

2009

Salão 1º Prêmio Espaço Piloto de Arte Contemporânea. Galeria Espaço Piloto, Brasília DF, Brasil

28º Salão Arte Pará. Belém, Brasil

Feiras
2014

Brazil ArtFair, Zipper Galeria, São Paulo, Brasil

ArtRio, com curadoria de Marcelo Campos. Artur Fidalgo galeria, Rio de Janeiro, Brasil.

Prêmios

Prêmio Aquisição. 16º Salão UNAMA de Pequenos Formatos. Universidade da Amazônia, Belém, Brasil

Melhor Exposição. Prêmio PIPA Voto Popular, Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, Brasil

Prêmio Salão de Arte Contemporânea do Mato Grosso do Sul, Campo Grande, Brasil

64º Salão Paranaense de Arte Contemporânea. Museu de Arte Contemporânea do Paraná MAC/PR, Curitiba, Brasil

Bolsa Funarte Estímulo à Produção em Artes Visuais 2012
Projeto Vira-latas Tecnológicos: inserções pictóricas no espaço urbano, Brasil