• Sobre
  • Currículo
Victor Arruda

No começo dos anos 70 sua pintura estava muito ligada aos movimentos modernos, como o Expressionismo e o Surrealismo. Após uma maior liberdade, começou a abordar questões mais pessoais e menos “artísticas”, fazendo uma espécie de diário psicoanalítico, pintando sem qualquer preocupação estética, quase automaticamente.

Nasceu em Cuiabá-MT, em 1947.
No Rio de Janeiro concluiu o curso de Museologia da Universidade Federal. Em 1975, participa de exposições do Museu de Arte Moderna e Bienal de Cuenca, no Equador. Ao contrário das vanguardas artísticas da década de 70 que rejeitavam os meios tradicionais da arte. Victor Arruda agiu através deles para apresentar imagens irreverentes, obscenas, toscas e incultas. Nos anos 80 sua pintura tomou um caminho quase oposto ao anterior, sem lhe negar as raízes, não se esquecendo da revolta. E intensifica sua atuação participando das exposições: em 1985, Salão Nacional de Artes Plásticas; “Transvanguarda e Cultura Nacionais”, Museu de Arte Moderna, Rio de Janeiro, 1986; ainda no mesmo ano, Bienal Latino-Americana de Arte sobre Papel, em Buenos Aires.

Exposições Individuais
2018

Arruda, Victor. Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro [MAM/RJ], Brasil

2015

“TRANS”. Artur Fidalgo galeria, Rio de Janeiro, Brasil
Oi Futuro Ipanema. Rio de Janeiro, Brasil

2010

Galeria Anna Maria Niemeyer. Rio de Janeiro, Brasil

2009

A respeito da corrupção. Galeria Amarelonegro, Rio de Janeiro, Brasil

2008

Paço Imperial. Rio de Janeiro, Brasil

2005

Espaço Cultural Sérgio Porto. Rio de Janeiro, Brasil

Galeria Anna Maria Niemeyer. Rio de Janeiro, Brasil

2000

Paço Imperial. Rio de Janeiro, Brasil

1999

Galeria Anna Maria Niemeyer. Rio de Janeiro, Brasil

1998

Canvas Galeria de Arte. Porto, Portugal

Galeria Camargo Vilaça. São Paulo, Brasil

1996

Canvas Galeria de Arte. Porto, Portugal

1995

Galeria Anna Maria Niemeyer. Rio de Janeiro, Brasil

1993

Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro, Brasil

1992

Galeria Subdistrito. São Paulo, Brasil

1989

Galeria Anna Maria Niemeyer. Rio de Janeiro, Brasil

1988

Studio D’Arte Giuliana de Crescenzo. Roma, Itália

1986

Escola de Artes Visuais do Parque Lage. Rio de Janeiro, Brasil

1985

Galeria Anna Maria Niemeyer. Rio de Janeiro, Brasil

1981

Galeria Anna Maria Niemeyer. Rio de Janeiro, Brasil

Exposições Coletivas
2017

Pintura do tipo Brasileira. Casa França-Brasil, Rio de Janeiro, Brasil

2012

Um caminho (Homenagem a Anna Maria Niemeyer). Paço Imperial, Rio de Janeiro, Brasil

2008

Arco/Madrid – artista convidado para integrar a representação brasileira, Espanha

2005

O Corpo na Arte Contemporânea Brasileira. Itaú Cultural, São Paulo, Brasil

2004

Onde está você, Geração 80?. sala especial, CCBB, Rio de Janeiro, Brasil

1996

Arte Contemporânea Brasileira na Coleção Sattamini. Exposição inaugural do MAC Niterói, Niterói, Brasil

1994

Brazil Images of the 80’s & 90’s. Art Museum of the Americas, Washington, EUA

The Exchange Show: twelve painters from San Francisco and Rio de Janeiro. Yerba Buena Gardens Center for the Arts,  San Francisco, EUA

1986

Bienal Latino Americana de Arte sobre Papel. Buenos Aires, Argentina
Caminhos do Desenho Brasileiro. Museu de Arte Moderna do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, Brasil
Transvanguarda e Culturas Nacionais. Museu de Arte Moderna, Rio de Janeiro, Brasil

1985

Salão Nacional de Artes Plásticas

1976

Salão Nacional de Arte Moderna

1975

Salão de Verão. MAM, Rio de Janeiro, Brasil