16 Ago - 22 Set2012
Alessandra Vaghi
Paisagens Engessadas

Em Paisagens Engessadas, esculturas híbridas, obras que se valem de objetos garimpados em antiquários, já sem valor como elemento decorativo ou mobiliário, emergem restaurados de maneira singular e deslocados ao campo da arte como suportes de intervenção. Suas obras recentes enveredam pelo caminho sinuoso da arte contemporânea em intensa relação com o patrimônio histórico, pondo em cheque esta categoria da “restauração”, mostrando-nos que as recuperações do passado e o cultivo das relíquias de outrora requerem de nós um olhar imaginário, uma recriação para que o próprio tempo surja tatuado na superfície das coisas, um tempo que persiste como erosão assim como gosto saturado.
Remetendo a um passado postiço, um passado já programado falsamente no próprio objeto, no tempo de sua realização como cópia fake de antiguidade, cada objeto sobrevivendo realiza sua imaginária condição de tesouro, mas sempre a custa de uma outra desfiguração, ou a figuração da sua provisoriedade onírica de patrimônio histórico.


Baixar pdf