Gais Ama

"...acordo pensando em arte, passo o dia pensando em arte e vou dormir com arte na cabeça.”

Gais Ama (Rio de Janeiro, Brasil, 1980). A partir de

1995 sua atuação artística passa a encontrar ressonância na esfera da vida urbana através de constantes intervenções em muros, viadutos ou empenas. Suas buscas e inquietações estampadas em vários espaços públicos foram se caracterizando por experimentações de conteúdos geométricos. Com o tempo, o trabalho do artista foi adquirindo novos contornos no plano da tela, e ele começou a participar de exposições de âmbito nacional e internacional. 

 

O vocabulário geométrico segue sendo o veículo para o fluxo de seu trabalho, mas conjuntamente Gais cria ambiguidades visuais entre a colagem, a pintura e a superfície colorida, recontextualizando e trazendo novas significações para o olhar.