Rafael Carneiro

"Suas primeiras obras são composições abstratas monocromáticas. 

Posteriormente desenvolveu pinturas hiper-realistas baseadas em fotografias. Em 2019, Rafael trouxe para as telas uma sobreposição de imagens dissonantes, e recentemente começou a desenvolver uma série de desenhos."

Rafael Carneiro (São Paulo, Brasil, 1985) se formou em Artes Plásticas pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA- USP) em 2006.

Suas primeiras obras são composições abstratas monocromáticas que utilizam pequenas áreas de cor e textura. Posteriormente o artista passou da abstração para a figuração ao desenvolver pinturas hiper-realistas baseadas em fotografias. Em 2019, Rafael trouxe para as telas uma sobreposição de imagens dissonantes, que parecem não integrar o mesmo universo. Recentemente ele começou a desenvolver uma série de desenhos.

Entre suas principais exposições individuais destacam-se: "El placido y el Muso", IK Projects Gallery, Lima, Peru (2019); "Ordre Imagine", Galerie White Project, Paris, França (2016); "Limbo", Artur Fidalgo galeria, Rio de Janeiro, Brasil (2012).

Participou de coletivas como: "Dividing Line", Luciana Brito Galeria, São Paulo, Brasil (2020); "Realismo 50 Anos", CCBB Centro Cultural Banco do Brasil, Rio de Janeiro, Brasil (2019); 33º Bienal de São Paulo: Afinidades Afetivas, São Paulo, Brasil (2018); "Metrópole: experiência paulistana", Pinacoteca do Estado de São Paulo, São Paulo, Brasil (2017), entre outras.